Arnaldo Martins Colunistas

Conversa afiada: O homem invisível

Olá!
Como vai você?
Tudo bem?
Espero que sim.
Que você tenha um bom dia!
Uma bela tarde!
Uma boa Noite!

E não importa que horas eu esteja chegando, mas certamente você está me recebendo bem.

Eu daqui e você daí com nosso bate papo descontraído da nossa Conversa Afiada.

Muito obrigado!

Você observou como é gratificante no dia a dia recebermos a atenção do nosso próximo, no mínimo com uma breve saudação?

Isso não vai te custar nada.

Você sabia também que uma simples saudação: “Olá ou Até amanhã” pode salvar vida?

Atente para história abaixo:

– Um homem trabalhava num frigorífico.

Um dia, quando terminou o seu horário de trabalho, foi a uma das câmaras frigoríficas para fazer uma inspeção de última hora, mas por uma fatalidade, a porta fechou-se e ele ficou trancado.

Ainda que tenha gritado e batido na porta com todas as suas forças, ninguém o ouviu.

A maioria dos funcionários já tinha ido embora e era impossível ouvir os gritos vindos de dentro da câmara.

Cinco horas mais tarde, quando o homem já estava à beira da morte, alguém abriu a porta.

Era o Vigilante que lhe salvou a vida.

Após recuperar-se, o homem perguntou ao Vigilante como foi possível ele passar e abrir a porta, quando isso não fazia parte da rotina do seu trabalho.

O Vigilante explicou:
“Eu trabalho nesta empresa há trinta e cinco anos”.

Centenas de trabalhadores entram e saem todos os dias, mas você é o único que me cumprimenta pela manhã e se despede de mim à tarde.

Os outros me tratam como se eu fosse invisível.

Hoje, como todos os dias, você me disse “Olá” na entrada, mas não ouvi o seu “Até amanhã”.

Espero o seu “Olá” e o seu “Até amanhã” todos os dias.

Para você eu sou alguém, não sou um homem invisível.

Não tendo ouvido a sua despedida, sabia que algo podia ter acontecido.

Moral da história:

Seja humilde e ame o próximo.
Dê sempre provas de atenção, respeito, carinho, e paciência.
Troque sinais de benevolência, apreço, afeto, gratidão e amor.

Até semana que vem se Deus quiser, e Ele há de querer.

Arnaldo Martins (Cebolinha)

Instagram: @arnaldo.cebolinha
Facebook: Arnaldo Martins
E-mail: conversaafiada2503@gmail.com

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

julho 2022
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado