Destaques

Infectologista da Prefeitura de BH diz que medidas restritivas podem ser adotadas se casos de covid-19 continuarem aumentando

Apesar da possibilidade, Comitê de Enfrentamento avaliou hoje que ainda não chegou o momento de restrições

O Comitê de Enfrentamento à covid-19 em Belo Horizonte se reuniu nesta quinta-feira (20) para avaliar quais atitudes deverão ser tomadas caso o aumento de casos de coronavírus continuem na capital mineira. A possibilidade de adotar medidas restritivas foi citada durante a reunião.

O infectologista Estevão Urbano, que faz parte do grupo do Comitê, disse que na reunião, ocorrida nesta manhã, foi discutido o atual cenário da disseminação de covid-19 em BH, assim como a taxa de ocupação de leitos nos hospitais. “Vamos ficar acompanhando de perto a evolução das internações. Conforme o que mostrar as estatísticas podemos tomar medidas restritivas. Vai depender da piora ou não do cenário”, explicou Estevão Urbano.

Em seguida, o infectologista concluiu: “Discutimos também sobre os eventos carnavalescos, vacinação das crianças. Teremos mais reuniões nesta semana e na outra. Sempre observando o cenário para tomar as decisões finais”. Contudo, ainda não foi revelado as medidas que deverão ser seguidas para que as festas privadas de Carnaval possam ocorrer.

A reunião teve a presença também do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), e demais integrantes do grupo de Enfrentamento: os infectologistas Unaí Tupinambás e Carlos Starling, além do secretário municipal de Saúde, Jackson Machado. O vice-prefeito da cidade, Fuad Noman, também participou.

Avanço da covid

Os encontros ocorrem em meio à piora dos indicadores que monitoram a pandemia em Belo Horizonte. Conforme balanço mais recente, divulgado nessa quarta-feira (19) pela Secretaria de Saúde, a ocupação de leitos destinados a pacientes com covid-19 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) está em 89,1%, no nível vermelho. A ocupação de enfermaria está em 74,5%, também em nível crítico.

O RT, que mede a velocidade de transmissão da covid-19, também preocupa. O indicador está em 1,19. Isso significa que cada grupo de 100 pessoas que testaram positivo para a covid-19 transmitem o vírus para outras 119 pessoas. Especialistas ressaltam que o ideal é ter o RT abaixo de 1.

Fonte: Itatiaia.com.br

Eldorado1300

AGENDA

julho 2022
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado