Cidade Saúde Super Destaques

Estado passa a ter 10 macrorregiões na fase mais flexível do Minas Consciente. Sete Lagoas continua na onda amarela

Circulação do vírus atinge menor nível desde fevereiro e solicitações de internação diminuem 32% em um mês

O Comitê Extraordinário Covid-19, grupo de trabalho que acompanha a pandemia, aprovou o avanço da macrorregião Leste para onda verde do Minas Consciente.

O progresso para a fase mais flexível do plano de retomada gradual e segura das atividades econômicas foi possível porque os índices de monitoramento da doença estão apresentando melhorias há três semanas seguidas.

Assim, a macro Leste se junta ao Centro, Centro-Sul, Oeste, Sul, Sudeste, Vale do Aço, Jequitinhonha, Norte e Noroeste, que já estavam na onda verde.

Na onda amarela permanecem Nordeste, Leste do Sul e Triângulo do Norte.

Já o Triângulo do Sul é a única localidade que continua na onda vermelha devido ao aumento da incidência da doença e alta na ocupação de leitos. Por conta da situação mais delicada, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) irá fazer um acompanhamento mais profundo na macrorregião para tentar reverter o cenário.

Panorama em Minas

Os números gerais relacionados à pandemia em Minas seguem em tendência de desaceleração. A incidência teve queda de 18% nos últimos 14 dias; a positividade, que indica como está a circulação do vírus, atingiu o menor patamar desde fevereiro. Outro dado, que também reflete maior controle do coronavírus, diz respeito às solicitações de internação que diminuíram 32% em um mês. Hoje, o número de pacientes aguardando leitos é de 33.

O secretário de Estado de Saúde, o médico Fàbio Baccheretti, destaca que o avanço da vacinação tem gerado um efeito cascata em todos os indicadores.

“Com o aumento da imunização, temos percebido que tudo está melhorando. As curvas de hospitalizações e a ocupação de leitos estão caindo. O vírus está circulando menos, mas isso não significa que devemos baixar a guarda. É importante que todos procurem a imunização e tomem todas as doses. Todas as vacinas são eficazes e salvam vidas’’, ressaltou.

Variante Delta

Quanto à preocupação com a circulação da variante Delta no estado, o secretário de Saúde informou, durante a reunião do Comitê Covid, que nove microrregiões estão realizando testes genômicos para mapear a mutação do vírus.

Conforme a última atualização da pasta, até essa quarta-feira (11/8), eram 11 confirmações.

Os casos estão sendo investigados junto aos municípios para avaliação do histórico dos pacientes e seus contatos. Dessa forma, ainda não é possível afirmar que existe transmissão comunitária da variante Delta em Minas.

As ações de vigilância e monitoramento foram reforçadas a fim de coibir a disseminação da variante no estado.

Sete Lagoas ainda está na Onda Amarela

Apesar da região Central está definida na Onda Verde do Minas Consciente, Sete Lagoas decidiu por hora permanecer em uma onda mais restrita, a Amarela, mediante decreto. Até o presente momento, a comitê municipal de gestão de crise não apontou indicativos de flexibilização de restrições.

 

Redação com Agência Minas

Eldorado1300

AGENDA

junho 2022
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado